Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Como definir a lista de equipamentos iniciais de um Box de CrossFit

No momento de montar a lista de equipamentos para iniciar um Box de CrossFit, o que você precisa levar em consideração para não gastar mais do que o necessário?

Quando pensamos no Box de CrossFit ideal, logo nos vem à cabeça um local de treinos descolado, grande e com muitos equipamentos. Esse é o sonho do empreendedor de CrossFit, mas, na hora de abrir o Box, você deve otimizar o seu investimento de forma segura para garantir a saúde financeira do seu novo negócio. Por isso, listamos quatro pontos que você deverá levar em consideração para montar a sua lista.

1) Fique atento ao seu orçamento

Esse é o primeiro e mais importante ponto a ser levado em consideração para que você defina a lista de equipamentos para iniciar o seu Box. Portanto, você deve ter bem claro e definido qual é o valor disponível para compra de equipamentos. Não tenha receio de falar seu “budget” para os fornecedores selecionados para as cotações. Busque com o seu orçamento disponível, montar o melhor Box possível. E não esqueça de colocar na balança o custo benefício de preço e qualidade dos equipamentos que serão adquiridos. Se houver dúvida para saber quais são os equipamentos essenciais que um Box de CrossFit deve ter, clique aqui. Temos um post exatamente sobre isso.

2) Número de alunos por sessão de treino

Aqui você deve se basear no número de alunos que você julga necessário para iniciar suas atividades. Mas você, obviamente, não precisa de um equipamento por aluno, e quem vai te ajudar a superar essa ausência é o seu head coach.
Tenha à frente da sua equipe de treinos um profissional experiente que consiga montar um treino usando os aparelhos que você tem de forma inteligente, mantendo todos os alunos ativos, utilizando os equipamentos em momentos diferentes. Assim, o seu investimento em equipamentos, será realizado de forma progressiva, conforme conquista mais alunos. Dito isso, se você ainda não tem um head coach, tá mais do que na hora de resolver essa situação. Saiba como acertar nessa contratação clicando aqui.

3) O tamanho do Box

Se você planeja montar um Box grande, saiba que seu investimento em equipamento deve ser equivalente à metragem do seu empreendimento. Não faz sentido, um Box amplo com capacidade para muitos alunos por treino com pouco material para as aulas. Por isso, planeje muito bem seu investimento, se você não está disposto a fazer um investimento tão alto em equipamentos logo de início, comece menor e foque na primeira dica!

4) Foco no seu público-alvo

O seu público-alvo é outro fator importante a ser considerado no momento de montar a sua lista de equipamentos, ou seja o seu Box deve ter a cara do aluno que você quer atrair.

Por exemplo: o CrossFit já é uma modalidade de treinos mais cara, e caso você queira aproveitar esse fato para focar em um público-alvo de classes mais altas, o seu Box deve ter as características valorizadas por esse público extremamente exigente tais como, um Box high tech, composto por materiais de primeira linha, que ofereçam conforto e muita qualidade, além de uma grande diversidade de opções.

É sempre bom lembrar que aquele box de CrossFit montado com qualquer equipamento e com “ares de porão” já ficou lá para trás, portanto, fuja desse modelo.

E não se esqueça! A escolha de um bom fornecedor é sempre muito importante, por isso, você deve buscar uma empresa que possua know-how no segmento de CrossFit, e que ofereça variedade e qualidade de equipamentos, para te orientar na montagem da lista, garantir o custo benefício do seu investimento e entregar conforto e qualidade para os seus alunos.

 

Esse conteúdo foi útil?
5.00 avg. rating (97% score) - 2 votes